segunda-feira, 2 de novembro de 2009

De volta...

Voltei, e se eu me queixo de Luanda, escusado será falar do soyo!
A viagem foi um terror, é um pequeno avião que treme por todos os lados, vai no máximo 10 pessoas e a qdo eu vi o piloto, mais preocupada fiquei, um sujeito de boné amarelo com um ar um pouco estranho... Apesar dos muitos abanões, as dores de cabeça que eu ja não aguentava correu tudo dentro do normal!
Valeu a pena, assim como todas as viagens devem valer, soyo é África pura, paisagens virgens, as crianças são amorosas mandavam beijos quando passava, é incrivel, como se distraiem, como sorriem, sem ter nada, muitas vezes nem um prato de comida!
O entretenimento no soyo é também praticamente nulo, tirando as praias e pouco mais. Eu gostava de ter o poder de encaixe de muita gente que lá trabalha, não sei como aguentam...
Eu aguentaria na medida em que tenho a outra parte de mim por lá, mas só por isso e mesmo assim seria com muito esforço, mas se tivesse oportunidade não exitaria :)
Deu para matar algumas saudades, não todas porque essas sao infinitas, e de volta a casa já começam a acumular outra vez, e lá vem outra vez angustia da separação...:(

1 comentário:

  1. visita é uma coisa mas ficar lá a trabalhar :P também não sei se aguentava :P

    ResponderEliminar